Você, Escritor! - A importância da revisão

segunda-feira, abril 25, 2016 2 Comentários A+ a-


Uma das partes mais importantes durante a escrita de um livro é justamente a revisão, com "revisão" eu quero dizer a revisão que você faz do que você escreveu e a revisão gramatical. Vem saber mais sobre elas!


Revise o que você escreve

Sim, você vai ter que reler e revisar tudo aquilo que você escreve e provavelmente fará isso mais de uma vez. É fundamental que você revise tudo aquilo que escreve, fazendo alterações necessárias, melhorando cenas e diálogos, acrescentando ou retirando algo. A revisão faz o seu livro melhor. 

Para não deixar esse tópico tão vago eu gostaria de dizer que eu não conhecia a importância da revisão quando escrevi O Homem Que Odiava O Mundo. Na verdade, eu não conhecia e não usava a maior parte das dicas que dou no Você, Escritor, que são coisas que eu uso demais na minha nova trilogia. No meu primeiro livro, eu praticamente não revisei nada do que escrevi e posso dizer SINCERAMENTE que o fato de não ter revisado é um dos motivos para eu não gostar do meu livro. Portanto, não sejam como eu, revisem os seus livros, deem atenção à sua criação e você com certeza sentirá orgulho dele depois, pois de um jeito ou de outro, revisão é uma das coisas mais trabalhosas durante o processo de escrita de um livro, não tente fugir dela.

A revisão gramatical

Esse é o tipo de revisão que você não pode fazer, a menos que seja formado em Letras e tudo o mais. Sim, é nessas horas em que você terá de procurar algum revisor e vai pensar até em pedir para o seu professor de português, mas não se engane, revisão é algo que as pessoas DEFINITIVAMENTE não fazem de graça. Além disso é bem caro, afinal, dá muito trabalho. 

"Mas, Sara, eu escrevo super bem! Acho difícil existir qualquer erro no meu livro!", eu não estou dizendo que você escreveu alguma coisa errada tipo "agente", "derrepente", "mais eu não sei", ou coisas assim (vou parar porque escrever errado não é bom para a minha saúde, haha). Eu digo no sentido da pontuação mesmo, ou quando você tenta enfeitar o texto com palavras que não se encaixam em nada no contexto.

Para fazer a revisão gramatical, você apenas terá de encontrar um revisor. O seu livro não precisa estar gramaticalmente revisado antes de ser mandado para editoras, acho importante salientar essa informação. Quando você terminar o seu livro e enviar para editoras, aquelas interessadas irão lhe oferecer o serviço de revisão gramatical, algumas editoras podem cobrar, outras não. A dica que dou é que você procure outros revisores além daquele que a editora está oferecendo.

Se você não tem muita ideia do quão caro pode ser uma revisão, irei lhe explicar: os revisores cobram por lauda, ou seja, uma folha frente e verso contém duas laudas. O revisor sempre deixará estipulado quanto ele cobra POR LAUDA, eu já vi preços de R$ 2,50 à R$ 3,50 por lauda. Vamos pegar o valor maior para fazer a conta, ok? Suponhamos que você vai revisar o seu livro e ele possui 350 páginas. A revisão do seu livro (R$ 3,50 por lauda) custará R$ 1.225,00. Então, procure o preço mais acessível para você. 

Além de buscar o preço mais acessível, busque também um serviço de qualidade e que seja feito por formados em Letras! Comigo foi o seguinte: eu fiquei muito assustada com o preço das revisões que apareceram, então eu fui até uma página de escritores no Facebook e postei que precisava de alguém que revisasse meu livro por um preço barato, eis que surgiu uma mulher dizendo que poderia fazer. Adicionei ela e começamos a conversar, ela disse que tinha parado a faculdade de Letras, mas que dava conta de revisar para mim por R$ 500,00 (meu livro tem 224 páginas). Eu, como uma escritora que não sabia de nada sobre revisão, confiei na mulher. Primeiro, ela se enrolou um monte para fazer a revisão, então eu estipulei um prazo. Depois disso, ela disse que tinha estragado o computador dela. Quando finalmente ficou pronto, eu fiz a burrice de não revisar a revisão dela e depois que o livro foi publicado, eu fui ler e encontrei erros gravíssimos, tanto de português quanto de coisas que eu escrevi errado e que nem eu e nem ela percebemos.

A importância da revisão é muito grande. Enquanto você estiver escrevendo > revise > Depois de escrever > revise > Depois de deixar o livro descansar > revise > Enquanto estiver na revisão gramatical > revise > Depois de voltar da revisão gramatical > revise.

Nunca deixe de se comunicar muito com o seu revisor gramatical, assim você poupará muita dor de cabeça! Eu conversava muito com a minha e mesmo assim deu problema.

E esse foi o Você, Escritor! dessa semana, espero que tenham gostado e que tenham entendido a importância da revisão. Comenta aí o que você achou do post e qualquer dúvida ou pedido sobre essa coluna, mande no e-mail interesses.sutis@gmail.com

Sara Muniz, dona do blog Interesses Sutis, sou apaixonada por ler, escrever e criar. Adoro música erudita, rock, pop, música francesa e de vez em quando até uma musiquinha indiana para dar uma animada! Preciso ver artes plásticas para me inspirar a escrever. Meus autores preferidos são Patrick Rothfuss, J.R.R. Tolkien, Brandon Sanderson, Jostein Gaarder e Khaled Hosseini (nessa ordem). Amo cantar e desenhar - mesmo fazendo ambas as coisas mal -, sou fissurada por cachorros e todos são "bebês fofinhos" para mim. Às vezes, eu acho o mundo lindo, outras vezes eu acho que a colisão de um meteóro com a Terra seria a salvação. Saiba mais sobre mim na página "About"!

2 comentários

Write comentários
Andy
AUTHOR
28 de abril de 2016 04:17 delete

Isso é foda! Eu gosto de revisar os capítulos depois de escritos, e sempre releio quando fico um grande período sem escrever determinada estória, então sempre acabo arrumando alguns erros. Eu sempre tive problemas na hora da pontuação, aquela troquinha de virgula, o momento que deveria ter ponto e não tinha... Aprendi a melhorar isso e ser mais crítica nas minhas revisões.

A coisa mais chata na revisão é quando encontro divergências em meu texto. Tem o meu livro policial que tá de molho até agora (só irei revisar depois de concluir o outro que to revisando) e deixei várias coisas que precisam ser melhoradas e sempre tenho consciência disso, pois na hora que escrevo eu não reviso apenas releio e vou indo até o final.

Nunca contratei revisores, mas já tive beta readers na minha época de escrever fanfics e elas acabaram me fazendo aprender umas coisas pra revisão xD.

Enfim, revisão é realmente algo indispensável, eu mesma já tirei e botei um monte de coisa nos meus livros para deixar tudo coerente ou apenas para dar aquela complementada e deixar a leitura mais fluida e concreta~~

Reply
avatar
Sara
AUTHOR
2 de maio de 2016 19:40 delete

Verdade, cada um revisa de um jeito, mas eu também sempre reviso assim que acabo de escrever um capítulo... e se eu paro de escrever por um tempo e vou retomar, eu sempre acabo lendo TUDO o que escrevi antes e sempre faço alterações uhasuhasuhs... imagine quando o livro estiver pronto!

Reply
avatar

"Comento, logo existo."