Você, Escritor! - A Insegurança ao Escrever

domingo, março 27, 2016 0 Comentários A+ a-


Hoje não é bem uma dica, é mais um texto referente ao que toda pessoa passa quando começa a escrever, independentemente se é a primeira estória de sua vida ou se é a décima quinta estória que está criando. Não apenas os iniciantes, mas também as pessoas mais experientes podem sentir: a chamada insegurança ao escrever.


Não importa o quão experiente o escritor seja, sempre terá um momento em que ele(a) vai estar escrevendo um capítulo (ou revisando o livro ao todo) e vai pensar o seguinte: isto não está bom, tenho que mudar. Ah, acho que isso aqui não deveria ser assim... Ai, meu Deus, tem muito erro! Não posso deixar as pessoas lerem isso!

Ok, ok, nem para tanto. Mas é muito comum você ler e perceber alguns erros e querer reescrever, arrumar o que está errado e deixar tudo melhor, não é mesmo? Isso é comum, mas o problema pega quando o próprio autor sente-se inseguro com o que está escrevendo, como se nada estivesse bom o suficiente, como se faltasse algo. Dá a impressão de que seus personagens estão sendo superficiais demais, sua escrita não aparenta fluida o suficiente ou clara para as outras pessoas. E o pior é quando no meio dessa insegurança o autor começa a se comparar com outro. 

Outra coisa comum é alguém comparar sua escrita com outra, ao estilo: nossa, o modo como você escreve me lembra muito tal autor, mas ao mesmo tempo não. Isto dá indicio de que você se inspirou no modo como X autor escreveu, mas fazendo do seu jeito, com as suas próprias características de escritor, então significa que você está em seu próprio caminho. Contudo, quando a coisa fica feia quando a sua escrita além de lembrar o modo como autor X escreve faz o leitor pensar que está parecida até demais, entende? Quase como uma cópia cuspida do estilo de X escritor.

Então, o que quero dizer é: não se prenda completamente aos erros. Erros existem e sempre estarão aí, mas não se apeguem demais para viver arrumando e não ir em frente. Não se deixem levar pelas opiniões dos outros, algumas valem a pena, outras apenas te deixam mais inseguras ainda para escrever sobre o seu universo, e isso não é legal.

Essa é a dica da vez! Não se sintam inseguros para escrever, não pensem que está tudo errado, apenas se deixem levar pela sua arte escrita que os buracos que tiverem poderão ser arrumados na hora da revisão~

Até a próxima! 

Sara Muniz, dona do blog Interesses Sutis, sou apaixonada por ler, escrever e criar. Adoro música erudita, rock, pop, música francesa e de vez em quando até uma musiquinha indiana para dar uma animada! Preciso ver artes plásticas para me inspirar a escrever. Meus autores preferidos são Patrick Rothfuss, J.R.R. Tolkien, Brandon Sanderson, Jostein Gaarder e Khaled Hosseini (nessa ordem). Amo cantar e desenhar - mesmo fazendo ambas as coisas mal -, sou fissurada por cachorros e todos são "bebês fofinhos" para mim. Às vezes, eu acho o mundo lindo, outras vezes eu acho que a colisão de um meteóro com a Terra seria a salvação. Saiba mais sobre mim na página "About"!

"Comento, logo existo."