Você, Escritor! - Dicas para ter mais produtividade!

domingo, fevereiro 28, 2016 3 Comentários A+ a-


Olá, sou eu de novo, a Andy ~~

No último post da coluna, a Sara deu umas dicas sobre como fazer um bom trabalho ao escrever! Caso ainda não tenha lido a postagem (clique aqui). E, em base nisso, hoje irei dar algumas dicas para vocês terem mais produtividade ao escrevem. Ou seja, quando vocês forem escrever e quiserem ultrapasse o quanto você escreve geralmente, é algo que realmente vem a calhar!

Antigamente eu tinha muito problema de sentar e escrever, pois eu não ficava "centrada" e isso me incomodava bastante, mas nos últimos anos eu desenvolvi maior concentração independentemente do que eu faça no computador, que eu sempre paro e escrevo (motivo de uma pessoa ou outra dizer que eu sou, literalmente, uma máquina de escrever). Então essas dicas realmente ajudam, ao menos me ajudaram bastante, e espero que alguma delas possam ajudar algum de vocês!



1. Escreva quando não tiver internet (Ou desligue ela)

Acho que a coisa mais incômoda que existe é você estar escrevendo, próximo da melhor parte da estória ou estar descrevendo uma parte realmente importante quando de repente... O seu celular toca. É whats. É facebook. É twitter. É snapchat. É instagram. É tudo que é quanto de aplicativo tocando por alguma coisa ou alguém te ligando pelo whats. Ou isso, ou você para de escrever para ir dar uma visita rápida no face e acaba ficando o tempo que você tem livre naquilo, quando poderia estar escrevendo.

Nesse caso acho super válido você deixar o seu celular no mudo, do seu lado que caso alguém ligue para você e for uma chamada urgente (ou alguém que você precise conversar), não irá te interromper nem nada do tipo. 

E agora vem, e a internet do computador? Vou ter que desligá-la para poder escrever mais? 

Oh, falo por experiência própria que sem internet você escreve mais, por que isso te faz não ter muitas distrações e pode acabar escrevendo umas 50 páginas em um dia (verídico isso!). Então, caso você seja uma pessoa que não larga da internet e quer muito escrever tudo o que planeja na hora, recomendo que desligue a net do seu pc e só conecte se for precisar para pesquisar algo necessário ou usar o dicionário, pois também é algo que eu recomendo que usem, que assim podem procurar palavras que sejam sinônimas as que vocês querem usar e isso ajuda e muuuuito. 

Porém! Não é necessário desligar a net do pc, se você não for do tipo que fica horas e horas com o facebook aberto no pc, ou qualquer outra rede social, pode ficar tranquilo que você escreve sem problema, mesmo com aquelas pausas para tranquilizar um pouco a mente. 


2. Escreva ouvindo Música


Isso é algo que eu realmente AMO fazer! Quando forem escrever montem uma playlist de músicas que vocês gostam muito ou aquelas que combinem com o todo de sua estória, que isso te estimula a escrever e te faz ter novas ideias, além de criar um ambiente próprio ao seu livro, então é algo bem bacana e recomendo bastante para vocês! 

3. Escreva de madrugada


Para quem gosta de dormir tarde, ou passar horas e horas assistindo filmes, séries e todo o mais durante a madrugada, é algo que vale até a pena de ser repassado!

Acho que nada supera o silêncio da madrugada, não? Você é o único acordado em sua casa, está mexendo no computador de fones de ouvido, ouvindo música e escrevendo. Isso te deixa totalmente absorvido na estória que está escrevendo, te permitindo escrever mais e mais até chegar na parte desejada. 

Bem, fica a dica pra quem gosta de escrever no silêncio e puder dormir tarde! 

4. Escreva  mesmo com preguiça


Sabe aquele momento em que você quer escrever, tem as ideias, mas está com uma puta preguiça de fazer isso? E acaba passando horas vendo anime, série e todo o mais e no dia seguinte acaba repetindo o mesmo processo por que está esperando a preguiça sair de você? 

Pois bem, é natural ter preguiça de fazer algo, mesmo gostando tanto! Mas, é preciso que você dê uma voadora nessa preguiça, sentar a bunda e escrever como se não houvesse amanhã. Se você permitir que a preguiça tome posse de ti, é bem possível que não consiga escrever muito durante um ano em comparação a quantidade de séries, filmes, livros etc. que você viu/leu.

Então, vamos dar um chega pra lá na preguiça e escrever?

5. Escreva com metas fixas


Olha, serei sincera, eu nunca fiz metas para escrever, o que vinha vinha, o que não vinha, então neh... 

Acho uma dica super válida para quem está começando a escrever. Se, por exemplo, você tiver como média mil palavras por capítulo e quiser expandir para duas, três, quatro mil palavras, tenha em mente de começar com uma meta de escrever mais quinhentas palavras que o normal, só um exemplo. E tendo esta meta na cabeça, você vai escrevendo e quando perceber vai ter ultrapassado essas meta, então eu até indico fazerem isso. 

Outro jeito é você pensar "ah, tal capítulo escreverei 3 mil palavras e terá 4 cenas", essa é a sua meta no capitulo. Digamos que você escreva as 4 cenas, por exemplo, uma cena no bar, a segunda na casa do principal, a terceira na escola e última cena em uma quadra de vôlei. E após escrever as 4 cenas com tudo o que você quer que aconteça, ao ir ver quantas palavras que escreveu vai que você tenha escrito uma margem superior a que você planejou? Já teve casos de pessoas que planejaram 5 cenas em um capítulo com o pensamento de escrever "5 mil palavras" e no final escrever 6, 7... 10 mil palavras. 

E outro método que indico é que vocês se proponham a escrever um capítulo por semana, no mínimo. Pois com isso em mente você pode ir escrever na boa o capítulo da semana, e ás vezes você pega o embalo e escreve muito mais do que você pretendia e isso é algo muito, muito bom de se acontecer. Então se você tiver interesse em fazer desse modo, recomendo que realmente ajuda.

6. Escreva... Escreva... E escreva...


É uma dica e ao mesmo tempo não é bem uma dica... 

Quando for escrever se foque na escrita, nos personagens, põe tudo pra fora o que você pensou nos momentos em que esteve longe do seu PC. Em todas as coisas que anotou e não teve a oportunidade de transcrever... 

Simples assim. 

Escreva. Não deixe pra depois. Não deixe as ideias sumirem de sua mente. Não permita que tudo se esvaia. Não procure as músicas que quer ouvir, jogue tudo pra tocar e segue o fluxo. Metralhe o teclado, sinta seus dedos doerem, mas escreva até repassar todas suas ideais, tudo o que você não pôde escrever nos últimos tempos. 

Simplesmente, escreva.


E essas foram as minhas dicas para ter mais produtividade para escrever! Eu recomendo que tentem alguma delas, acho que ao menos uma irá funcionar perfeitamente com você. Se por acaso você tiver outro método, comentem aqui na postagem, pois essas são as formas que eu conheço e já cheguei a utilizar em algum momento nos últimos anos. (Serei sincera, o método que mais uso é o "seis". Escreva, escreva, escreva...) 

Então é isso, até o próximo post! 

Sara Muniz, dona do blog Interesses Sutis, sou apaixonada por ler, escrever e criar. Adoro música erudita, rock, pop, música francesa e de vez em quando até uma musiquinha indiana para dar uma animada! Preciso ver artes plásticas para me inspirar a escrever. Meus autores preferidos são Patrick Rothfuss, J.R.R. Tolkien, Brandon Sanderson, Jostein Gaarder e Khaled Hosseini (nessa ordem). Amo cantar e desenhar - mesmo fazendo ambas as coisas mal -, sou fissurada por cachorros e todos são "bebês fofinhos" para mim. Às vezes, eu acho o mundo lindo, outras vezes eu acho que a colisão de um meteóro com a Terra seria a salvação. Saiba mais sobre mim na página "About"!

3 comentários

Write comentários
28 de fevereiro de 2016 09:25 delete

Vou dizer, quando chega umas oito horas bate um sono, seja meio de semana ou fds (tanto que ontem acordei quase meio dia e oito horas da noite eu já tava com sono), ai eu tô escrevendo e bate um sono, tudo que passa na minha cabeça é "vou colocar esse personagem pra dormir" "vou dizer que esse personagem tá com sono" e eu tenho que me controlar pra não fazer isso, então escrever com preguiça ou sei lá, não rola nem um pouco.
Antes eu tinha uma meta de fazer 2.000 palavras por capítulo, mas eu tava muito presa à isso, então as vezes em vez de fazer um capítulo de duas mil, eu faço dois com umas mil e trezentas. É quase a mesma coisa, mas é mais liberdade no tamanho dos caps e tal ASHUASHU.

Reply
avatar
Andy
AUTHOR
28 de fevereiro de 2016 20:39 delete

Então, acho que no sue caso você pode escrever pela manhã ou pela a tarde, pois isso varia muito de pessoa pra pessoa. Eu gosto muito de escrever de madrugada, mas geralmente escrevo há noite pois nem sempre me sinto disposta a escrever depois da meia-noite. E caso você tenha mais inspiração pela manhã ou a tarde poderá utilizar este tempo para escrever (como disse varia de pessoa pra pessoa).

Antigamente eu usava muito essa meta de 2 mil palavras, mas hoje em dia não uso mais, só crio uma estimativa de "ah, talvez tenha umas cinco mil palavras em tal cap.", eu sempre escrevia capítulo curtinho, mas depois de um tempo aprendi a escrever capítulos maiores então para mim escrever algo curto chega a ser estranho rsrs Então é bom sentir aquela liberdade na hora de escrever, sem ter na cabeça aquela meta de quantas palavras você planeja escrever, ás vezes você se surpreende o quanto consegue escrever por semana xD

Reply
avatar
1 de março de 2016 10:56 delete

Eu tenho que tomar uns dois ou três banhos rápidos pela tarde só pra espertar meu sono e eu não ficar dormindo pelos cantos ASHUASHUAS.
Tipo, eu estava escrevendo capítulos de treze ou quinze páginas, mas eu estava lendo uns livros e percebi que não é bom ler um livro que tem capítulos enooormes (pelo menos não pra mim). tipo, eu AMO A Espada do Verão e tem capítulos de seis e até quatro páginas, mas isso varia de autor para autor também. Enfim, a questão é que eu faço uns capítulos de treze páginas, mas as vezes faço também uns de sete, dependendo do que tenho pra falar, já que não é muito bom ficar só enchendo linguiça o tempo todo pro livro ficar maior.

Reply
avatar

"Comento, logo existo."